Abdominoplastia: cirurgia de abdômen

Abdominoplastia: cirurgia de abdômen

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

A cirurgia plástica comumente é um dos caminhos para restaurar a autoconfiança, principalmente nas mulheres, e também para melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Ter um abdômen reto, liso e sem flacidez, é o desejo de muitos homens e mulheres, que encontram na abdominoplastia, a resposta que tanto estavam pesquisando para realizar este sonho.

A Abdominoplastia devolve os contornos da região do abdômen
A Abdominoplastia devolve os contornos da região do abdômen

A perde de elasticidade natural da pele na região do abdômen, pode ser causada por dois fatores principais: o ganho e perda excessiva de peso corporal, e também após a mulher ter algumas gestações consecutivas.

O fato é que a flacidez abdominal que incomoda tanto homens e mulheres, tem tratamento, e é sobre isso que vamos ver agora!

O que é abdominoplastia?

A abdominoplastia é a cirurgia plástica realizada com o objetivo de retirar o excesso de gordura e de pele do abdômen, ajudando a diminuir a flacidez da barriga e a deixar a barriga lisa e dura, além de também poder ser possível remover estrias e cicatrizes presentes no local, e com isso recuperar a firmeza dos músculos dessa região. .

Essa cirurgia pode ser feita tanto em mulheres quanto em homens, e é indicada principalmente para quem perdeu muito peso, ou após uma gravidez, e ficou com a região da barriga muito flácida.

Na abdominoplastia seus músculos também serão trabalhados
Na abdominoplastia seus músculos também serão trabalhados

As maiores causas de flacidez abdominal são:

  • Gravidez;
  • Envelhecimento;
  • Oscilações significativas no peso;
  • Hereditariedade;
  • Cirurgia prévia.

Qual o objetivo da Abdominoplastia?

A abdominoplastia não tem como objetivo a perda de peso e, sim, dar forma ao abdômen que sofreu alterações e perdeu o seu contorno natural.

A abdominoplastia não é indicada somente para eliminar estrias, mas elas podem sim serem removidas durante o procedimento completo.

A remoção das estrias abaixo do umbigo acontece naturalmente quando ela está junto ao excesso de pele a ser retirado, sendo uma consequência e não uma indicação da cirurgia, então portanto, a cirurgia plástica de abdominoplastia não será indicada somente para remover as estrias, e sim como parte de um processo maior, para devolver os contornos do abdômen.

Os seus resultados perduram se forem associados a uma alimentação adequada e exercícios físicos.

Quero engravidar. Posso fazer abdominoplastia?

Pacientes que desejam engravidar pela primeira vez, ou estão pensando em ter mais filhos, devem esperar para realizar o procedimento, ou os resultados conseguidos com o procedimento, serão comprometidos devido à gestação, que afrouxará novamente a pele e os músculos.

Para mulheres que ainda desejam engravidar, é melhor esperar para fazer a abdominoplastia
Para mulheres que ainda desejam engravidar, é melhor esperar para fazer a abdominoplastia

Existe miniabdominoplastia?

A resposta é: Sim!

A mini abdominoplastia trabalha os acúmulos de gordura abaixo do umbigo
A mini abdominoplastia trabalha os acúmulos de gordura abaixo do umbigo

Além da abdominoplastia como um procedimento inteiro e completo, existe sim a miniabdominoplastia, que tem uma extensão menor e por isso recebe este nome.

Ela retira acúmulos de gordura e pele apenas da região inferior da barriga, resultando em uma cicatriz menor.

Tanto a abdominoplastia quanto a miniabdominoplastia, podem ser associadas à lipoaspiração para melhores resultados, e para um melhor contorno corporal.

Qual o tempo de duração da abdominoplastia?

O tempo de duração da abdominoplastia pode variar muito, e existe também a diferença de cada organismo de cada paciente, mas a maioria dos procedimentos dura entre 1 a 3 horas.

O tempo varia conforme a extensão do tratamento, quantidade de tecido a ser removido, e da associação ou não da lipoaspiração.

Cirurgias muito longas podem aumentar o risco de trombose.

Como é feita a abdominoplastia?

Antes de realizar qualquer procedimento cirúrgico, é extremamente importante que o paciente passe por uma avaliação pré-operatória, para que possam ser verificadas se existe algum risco, complicações, ou qualquer impedimento que possa prejudicar a sua saúde.

Por isso são indicados exames de sangue, avaliação física, e também uma avaliação dos fatores de risco, como tabagismo, obesidade e idade avançada, por exemplo.

Caso sejam constatados que não existem riscos para a sua saúde e integridade, será realizado o agendamento e a realização da cirurgia, sendo importante que a pessoa não beba, fume ou tome medicamentos que possam aumentar o risco de sangramentos, como aspirina ou anti-inflamatórios, antes do procedimento.

Procedimento cirúrgico da abdominoplastia
Procedimento cirúrgico da abdominoplastia

A abdominoplastia demora entre 1 a 3 horas, e é feita com anestesia peridural. A partir do momento que a anestesia começa a fazer efeito no organismo do paciente, é realizado um corte entre a linha dos pelos pubianos, e do umbigo, de acordo com o grau de correção da cirurgia.

Isso é feito para que o excesso de gordura, tecidos e pele, possam ser removidos, e para que os músculos abdominais, que encontram-se enfraquecidos possam ser costurados novamente.

Dependendo da quantidade de gordura e pele que o paciente quer retirar, pode ser realizado um corte ao redor do umbigo, para remover o excesso de pele na parte superior do abdômen, e, em seguida é realizado o fechamento dos cortes, utilizando sutura, adesivos de pele ou fitas.

É recomendado que o paciente fique no mínimo por 24 horas no hospital, para observação após o procedimento. Este é um procedimento para avaliar o sucesso da cirurgia, e também para diminuir o risco de complicações.

É normal que na semana seguinte ao procedimento, o paciente possa ter dores abdominais, e é possível também que essa região fique escura e inchada. Esses sintomas irão desaparecer na medida que a cicatrização vai ocorrendo.

Contraindicações da abdominoplastia

A abdominoplastia não é recomendada nos casos em que sejam previstos gestações futuras, ou cenários de grandes ganhos de peso após a cirurgia plástica.

Pessoas com obesidade e fumantes, tem maior risco de terem necroses, portanto não devem ser submeter a essa cirurgia.

No caso de pessoas com obesidade, é importante emagrecer, ou passar por uma lipoaspiração antes da abdominoplastia.

Há casos que precisam ser avaliados individualmente, como exemplo:

  • Pessoas que tenham realizado cirurgias anteriores;
  • Pacientes que tenham cicatrizes na região abdominal;
  • Pessoas com alguns tipos de doença do colágeno;
  • Alguns tipos de fumantes.

Dependendo da cicatriz que já existe, ela até pode impossibilitar a realização da abdominoplastia. É muito importante a transparência durante a consulta. É fundamental a sua atenção com relação a todos os detalhes que forem perguntados. A relação de confiança e honestidade entre paciente e cirurgião plástico, é essencial para bons resultados.

Agende sua avaliação com o Dr. Paulo Militão

É sempre recomendável agendar sua avaliação, e conversar com o Dr. Paulo Militão, que irá passar todas as informações que você precisa sobre o procedimento, e também irá realizar a avaliação da sua condição física, antes de proceder qualquer aplicação.

A consulta é cobrada, e atendemos pelos planos de saúde Unimed e PAM.

Ligue agora e agende seu horário:

📞 Telefone (45) 3035-6527

📱 WhatsApp: (45) 9 8408-6553

Messenger: @paulomilitao

O que você achou dessa publicação?

Você também pode gostar

Abdominoplastia: cirurgia de abdômen
Cirurgia Plástica

Abdominoplastia: cirurgia de abdômen

A abdominoplastia não pode ser considerada como um tratamento à obesidade ou uma alternativa para substituir uma alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos. Candidatos à abdominoplastia devem ser saudáveis e relativamente em forma, tanto mulheres, quanto homens.
Vamos ver nessa matéria, muitas informações sobre este procedimento cirúrgico.
Clica que está muito exclarecedora.

Leia mais »
Micropigmentação de sobrancelhas: maquiagem definitiva
Estética

Micropigmentação de sobrancelha: como é feita?

A micropigmentação de sobrancelha é um método de preenchimento que faz sucesso não apenas pela correção de falhas, mas também pela aparência natural que oferece aos fios. Porém, antes de iniciar qualquer procedimento, é necessário conhecer as diferentes técnicas e mais alguns detalhes que parecem simples, mas são fundamentais para que o resultado seja satisfatório.
Veja nessa matéria tudo o que você precisa saber para não ficar mais com dúvidas sobre a micropigmentação das sobrancelhas.

Leia mais »