Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Manta térmica

É um tratamento realizado com um equipamento de termoterapia  (emissão de calor), que emite calor acelerando o metabolismo local. É aplicado no corpo um creme enzimático com extratos de vegetais e termo ativos, depois é colocado no corpo uma manta térmica. Essa manta pode estar ou não associada ao infravermelho, onde aumenta o calor atingindo, em média, 38°C à 65°C. Essa potência ativa a entrada de produtos na pele, fazendo a desintoxicação corporal, reduzindo a retenção de líquidos e combate também as celulites.

Com o calor provocado pela manta, o fluxo do sangue aumenta, pois ocorre a dilatação dos vasos (que ajuda cessar as infecções). Este processo elimina também substâncias indesejáveis (toxinas) no metabolismo. A cada 1ºC de aumento da temperatura do organismo, há o aumento de 13% do metabolismo, fazendo com que haja um maior gasto de energia e, consequentemente, a queima de gordura. O tratamento é indolor e muito eficaz. Sua principal função é desintoxicar os tecidos, aumenta a circulação sanguínea, auxilia na  eliminação das toxinas e radicais livres, diminui o inchaço, atua contra a retenção de líquidos, acelera o metabolismo, reduz a fadiga muscular, diminui as taxas de colesterol. Além disso, promove a renovação celular, melhora a elasticidade da pele e auxilia na perda de peso. 

Ela pode ser usada também para combater o espasmo muscular e para o aquecimento antes da massagem. A sessão dura, em média, 40 minutos. O recomendado é fazer no mínimo 10 sessões, duas vezes por semana.